O Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto (ISPUP) está a dar início ao projeto “baMBINO”, uma investigação que visa estudar o acesso das mulheres migrantes aos serviços de saúde perinatais em Portugal, o seu nível de satisfação com os cuidados recebidos durante o parto e após o parto e as diferenças existentes no atendimento prestado a esta população, em comparação com as mulheres portuguesas nativas.